25 de outubro de 2010

PARADOXO DO NOSSO TEMPO

Enviado por: Vanessa Oliveira Fonseca

Nós falamos demais, amamos raramente, odiamos
freqüentemente.
Nós bebemos demais, gastamos sem critérios. Dirigimos
rápido demais, ficamos acordados até muito mais tarde,
acordamos muito cansados, lemos muito pouco, assistimos TV
demais e raramente estamos com Deus.
Multiplicamos nossos bens, mas reduzimos nossos valores.
Aprendemos a sobreviver, mas não a viver; adicionamos anos
à nossa vida e não vida aos nossos anos.
Fomos e voltamos à Lua, mas temos dificuldade em cruzar a
rua e encontrar um novo vizinho. Conquistamos o espaço, mas
não o nosso próprio.
Fizemos muitas coisas maiores, mas pouquíssimas melhores.
Limpamos o ar, mas poluímos a alma; dominamos o átomo,
mas não nosso preconceito; escrevemos mais, mas aprendemos
menos; planejamos mais, mas realizamos menos.
Aprendemos a nos apressar e não, a esperar.
Construímos mais computadores para armazenar mais
informação, produzir mais cópias do que nunca, mas nos
comunicamos cada vez menos.
Estamos na era do "fast-food" e da digestão lenta;
do homem grande, de caráter pequeno; lucros acentuados e
relações vazias.
Essa é a era de dois empregos, vários divórcios, casas
chiques e lares despedaçados.
Essa é a era das viagens rápidas, fraldas e moral
descartáveis, das rapidinhas, dos cérebros ocos e das
pílulas " mágicas" .
Um momento de muita coisa na vitrine e muito pouco na
dispensa.
Uma era que leva essa carta a você, e uma era que te
permite dividir essa reflexão ou simplesmente clicar
"DELETE"
Lembre-se de passar tempo com as pessoas que ama, pois elas
não estarão aqui para sempre.
Lembre-se dar um abraço carinhoso em seus pais, num amigo,
pois não lhe custa um centavo sequer.
Lembre-se de dizer "Eu Te Amo" à sua companheira(o)
e às pessoas que ama, mas, em primeiro lugar, se ame...
se ame muito.
Um beijo e um abraço curam a dor,
quando vêm de lá de dentro.
Por isso, valorize sua familia e as pessoas que estão ao
seu lado, sempre!!!!!

(George Carlin)

23 de outubro de 2010

MINHA VONTADE

O dia do meu sonho amanhece e anoitece com a esperança
O Sol, o Mar, a Lua, as Estrelas
Tudo que espero está no sonho que vivo
Mas você aqui , Amigo fiel
Entre  nosso Dia,  nosso Mar, nossa Lua, nossa Estrela,
Esperando meu sonho realizar-se.
Por que você não volta logo?
Meus pensamentos são bons; minha vontade é encontrar você.
O que falta para que minha esperança me leva a sua presença?
Será egoísmo ou o clarão da lua morre ao refletir a minha vontade?
Uma tarde que cai, uma luz que brilha!
E não se esquece: você é importante para mim.
Deixe que eu o encontre
Aqui estou esperando
Cuida de mim!
Nas lágrimas que caem e lava meu rosto
A cor limpa e transparente, um sonho que ainda não terminou
Agitando no mais puro e profundo reencontro
Onde palavras deixarão de existir.
Em vida eterna viveremos o celestial como resposta
Pois em você está a nossa benção.

16 de outubro de 2010

7 de outubro de 2010

MEU AMOR















Meu AMOR não é cruel
Meu AMOR vem do céu
Meu AMOR é do próximo
Meu AMOR é total
Meu AMOR é fiel
Meu AMOR vence o mal
Meu AMOR vem de Deus
É como luzeiro que brilha
É como a flor que se abre
É como o AMOR que se abraça
É tudo que tenho para a vida doar
Meu AMOR é olhar
Meu AMOR é cheirar
Meu AMOR é ouvir
Meu AMOR é tocar
A alma que com tanto AMOR
Deus criou.